Homicídio revolta Ourizona

O comerciante João Aparecido Maschiari, de 37 anos, foi morto com um tiro no início da madrugada de ontem, em Ourizona, pacata cidade de cerca de 3.380 habitantes e que havia tempos não registrava um homicídio. Ele estava fechando sua lanchonete quando dois homens chegaram e deram voz de assalto. Ao interpelar um deles, recebeu o tiro no peito. A morte do comerciante, muito conhecido em Ourizona, revoltou a cidade. A população reclama que o atendimento da Polícia Militar foi muito demorado e que não há quem apelar para solicitar segurança. As reclamações chegam até o prefeito Janilson Marcos Donasan (PP), que, segundo leitores, não reside na cidade.

Advertisement
Advertisement