Estadual quer que PDT apoie PT em Maringá

Vereadora Ana Lucia e Goura, que preferiria Humberto Henrique

Semana passada o diretório estadual do PDT foi surpreendido com o lançamento da pré-candidatura da vereadora Ana Lúcia Rodrigues para a prefeitura de Maringá, essa é a informação que nos chega da capital. O lançamento, ao estilo “Urbi et Orbi” , foi feito direta e exclusivamente das redes sociais da parlamentar para o resto do planeta, e parece que não convenceu a política local nem agradou os caciques trabalhistas.

Houve relatos de que o presidente estadual, deputado Goura, fez uma ligação para a parlamentar lamentando a atitude autonomista e os efeitos negativos sobre o projeto da sigla em Curitiba, onde existem perspectivas mais realistas de que o partido possa contribuir com a vitória de qualquer chapa majoritária que venha a compor, o que não é o caso da professora.

Para se ter uma ideia, após o açodado lançamento virtual de sua pré-candidatura, a ex-coordenadora do Observatório das Metrópoles conseguiu implodir o calendário de reuniões de uma frente ampla de partidos que vinha sendo articulada em Maringá.

Sobre a ligação, Goura teria pedido para Ana Lúcia considerar o apoio direto ao Partido dos Trabalhadores, no nome de Humberto Henrique, para que possa se dedicar exclusivamente para a construção de sua chapa de vereadores que, como é sabido, não anda bem das pernas.

Foto: Redes sociais

Advertisement
Advertisement